terça-feira, 8 de julho de 2008

Pensando grande

A dupla grenal está pensando em grandes reforços na janela de agosto.

INTERNACIONAL

Apesar da perda de Fernandão, Sidnei e Iarlei, o Internacional está pensando em reforços de peso. Para a zaga trouxe Bolívar o jogador afirmado, de grande atuação na libertadores 2006. Rosinei está acertado. Bom jogador, de movimentação. Será uma boa alternativa para o técnico Tite. Mas o grande nome ainda está por vir. A direção acertou a compra de 50% dos direitos federativos do meia D'Alessandro, junto ao Zaragoza. Para que essa negociação se concretize, basta que o Al-Jazira leve o argentino Guiñazu do Beira-Rio pelo valor de cinco milhões de euros. A troca é salutar para os colorados. Aliás, se essa notícia é verídica a torcida tem que comemorar. Outros nomes especulados são de Daniel Carvalho e Mineiro.

GRÊMIO

O tricolor já perdeu o meia Roger. Léo e Eduardo Costa estão de saída. Eram os três principais jogadores do time. O futuro parace ser preocupante para o Grêmio. Porém, a direção parece estar disposta em trazer grandes jogadores para manter a equipe na parte de cima da tabela. Souza está contratado. Tcheco já está treinando no Olímpico esperando apenas sua liberação para voltar a vestir a camisa dez. A grande tacada de André Krieger é Rafael Sobis. O atacante seria a cereja do bolo pretendida pelos gaúchos. Sobis traria muita qualidade ao fraco ataque gremista. Até hoje não sei quem deve ser titular no ataque. Perea é uma usina para acender uma lâmpada. Pouco rende. E Marcel seria mais um opção do que um jogador para assumir a camisa nove.

segunda-feira, 7 de julho de 2008

Seleção olímpica

O técnico Dunga convocou os 18 jogadores que vão vestir a camisa verde amarela nos Jogos Olímpicos de Pequim. Todos atletas convocados são indiscutíveis. Os melhores para cada uma das posições. Tirando um ou outro que tenho restrições. Como é o caso do atacante Jô.

Meu time principal seria o seguinte: Renan; Rafinha, Breno, Thiago Silva e Marcelo; Lucas, Hernanes, Anderson e Ronaldinho Gaúcho; Robinho e Pato.

Confira a lista de convocados:

Goleiros
Diego Alves (Almería-ESP)
Renan (Internacional)

Laterais
Ilsinho (Shakhtar Donetsk-UCR)
Rafinha (Schalke 04-ALE)
Marcelo (Real Madrid-ESP)

Zagueiros
Alex Silva (São Paulo)
Breno (Bayern de Munique-ALE)
Thiago Silva (Fluminense)

Meio-campistas
Anderson (Manchester United-ING)
Diego (Werder Bremen-ALE)
Hernanes (São Paulo)
Lucas (Liverpool-ING)
Ronaldinho (Barcelona-ESP)
Thiago Neves (Fluminense)

Atacantes
Alexandre Pato (Milan-ITA)
Jô (Manchester City-ING)
Rafael Sobis (Betis-ESP)
Robinho (Real Madrid-ESP)

Celso Roth complicou

O Grêmio está fazendo uma grande campanha no brasileiro. Ninguém acreditava no time e no treinador. A saída de um dos seus principais jogadores parece ter mexido com o grupo. Mas não foi pela falta de Roger que o tricolor atuou tão mal contra o Botafogo, no Engenhão. O treinador foi responsável direto pela péssima apresentação. A derrota podia ter sido até maior não fossem as grandes defesas do goleiro Victor.

Celso Roth escalou um time retrancado e sem imaginação. Saiu jogando com Willian Magrão, Rafael Carioca e Rudinei. Rodrigo Mendes era o responsável para assessorar Perea, que ficou isolado na frente. O Botafogo veio pra cima e mandou no jogo. O gol foi acidental. Túlio chutou a bola desviou em dois jogadores antes de entrar, traindo o goleiro Victor.

Os gaúchos não conseguiram jogar. Não passavam do meio campo. Celso Roth resolveu voltar ao esquema que vinha dando certo. Afinal de contas para que complicar. Sacou um zagueiro e colocou Marcel. O time melhorou, mas não foi o suficiente. Tomou um gol de Zé Carlos de falta. Com o dois a zero no placar o Fogão voltou a ser melhor em campo. E Victor evitou que o placar se ampliasse, com pelo menos dois milagres.

Souza do PSG será anuinciado até quarta-feira. O jogador vem por empréstimo de um ano.

Sangue novo, vida nova

O Inter era um time sonolento. Perdia e não consiguia mostrar um bom futebol. Bastou a entrada de um jogador para mudar essa história. Taison de 20 anos vem encantando os torcedores colorados. Jogador de uma velocidade incrível que parte para cima dos adversários. A entrada do jovem no meio campo colorado fez crescer o futebol de outros jogadores como Alex e Nilmar. O Inter não tomou conhecimento do Coritiba. 3 a 0.

Em um jogo que o atleta marca três gols ele deve ter sido o melhor em campo, correto? Errado. Alex jogou muito, marcou três gols. Mas o melhor jogador foi Taison. O garoto mostrou que tem que ser titular da equipe de Tite. Tem uma movimentação excelente e ajuda a armação das jogadas. Um talento que logo logo estará brilhando nos gramados europeus. Como acontecem com todos os outros. Taison é o novo cheque em branco do presidente Vitório Pífero. Se manter esse nível de atuações deve ser vendido por milhões. Quem sabe alcançar as cifras de Alexandre Pato. Mas para isso ele tem que manter uma continuidade, por enquanto foram apenas dois jogos.

A informação da Espn Brasil é que o Internacional já acertou salários com o meia argentino D'Alessandro. Canhoto de muita habilidade viria para o lugar de Guiñazu. Que pode ter a venda efetuada nos próximos dias. Seria uma troca e tanto para o colorado. Mas mudaria a característica do time. Guiña da mais pegada é um jogador de marcação. Já D'Alessandro é um meia de ligação, parecido com Alex. O problema será do treinador que terá que montar uma equipe com D'Alessandro, Alex, Taison e Nilmar.

Hamilton assume a ponta

Foi a verdadeira corrida maluca. Silverstone proporcinou aos amantes do automobilismo uma das melhores provas da temporada. A chuva ajudou a mostrar os pilotos mais arrojados e que eram menos. Na pista molhada a diferença de carros diminui. A Ferrari se equipara com a Honda e os melhores pilotos aparecem.

Correndo em casa o inglês Lewis Hamilton chegou na frente. Manteve o carro na pista e colocou uma diferença de mais de um minuto para o segundo colocado. Com isso o piloto assumiu a ponta do mundial de pilotos com 48 pontos. A mesma pontuação de Felipe Massa que perde nos critérios de desempate e Kimi Raikonen que possui uma vitória a menos.

Falando no brasileiro da Ferrari, ele teve um final de semana péssimo. Largou mal no grid e rodou cinco vezes na pista molhada. Foi o último a completar a prova. Na décima terceira posição.

Rubinho foi fantástico. O melhor brasileiro na chuva. Largou em décimo sexto e chegou no pódio, em terceiro. Algo que não acontecia desde 2005. Nelsinho Piquet vinha bem na prova. Já estava em quarto. Havia inclusive ultrapassado seu companhiero de equipe Fernando Alonso, mas acabou derrapando e ficando fora da corrida.

Em um campeonato tão disputado não dá para apontar um favorito. Ainda mais com os rotineiros erros da equipe Ferrari que já tirou muitos pontos de Raikonen e Massa. Com isso, crescem as chances do primeiro título do inglês Lewis Hamilton.

sexta-feira, 4 de julho de 2008

Principal jogador do Grêmio está de saída


Roger está deixando o Grêmio. O detentor do passe do atleta fechou a venda para o futebol árabe. O jogador vai conceder uma entrevista ainda hoje para dar mais detalhes da negociação.

Em compensação para o seu lugar deve chegar Souza do PSG da França. A troca é ruim para o Grêmio. Roger é muito mais talentoso do que o ex-saopaulino. A diferença não é só dentro das quatro linhas. Desde que o canhoto chegou ao estádio Olímpico se tornou a maior liderança do grupo.

A situação vai ser díficil para sustentar o tricolor na ponta da tabela. Além de Roger, deixam o clube o zagueiro Léo e o volante Eduardo Costa.

segunda-feira, 30 de junho de 2008

Paradinha

Nesse final de semana tivemos um show de paradinhas nas cobranças de penalidades durante a rodada do Campeonato Brasileiro. Eu acho o lance lindo. Demonstra muita técnica do cobradores. Porém, algumas irregularidades acontecem quando a penalidade é batida desta forma.

Primeiramente, quando a paradinha acontece. Todos os jogadores invadem a área antes da cobrança. E independente da bola entrar ou não é uma irregularidade.

Outra. Sempre que isso acontece, o goleiro se adianta antes da cobrança. Se ele pegar a penalidade a bola voltará pra marca da cal? Provavelmente sim.

Apesar de achar lindo é um lance que deve ser discutido. O goleiro cada vez mais é prejudicado. Invariavelmente quando pega um pênalti, o cobrador acaba tendo outra chance. Pelo menos aqui no Brasil. Já que nos gramados do exterior não constato o mesmo equívoco.

Para o bem do futebol

A Eurocopa voltou a ter um campeão que dá gosto de assistir. Começava a ficar assustado com os títulos de seleções como a Grécia, em 2004, e como a Itália na Copa de 2006. Dois times retrancados. Não condizem com o estilo que gosto de futebol. O futebol com marcação sim, mas jogando pra frente com qualidade. Depois de 44 anos a Espanha conquista seu segundo título da Euro.

Torres jogou muito na partida. Autor do gol do título. Marca uma era. A do fim da carreira de Raúl festindo a camisa da Fúria. Depois de mais de dez anos atuando com a sete de seleção ele não foi convocado. Torres e Villa tiveram espaço para jogarem juntos. Fabrégas jogou muito apesar de ficar no banco. Com Marcus Senna, Iniesta e Xavi o meio campo ficou com consistência e qualidade para atacar.

A Fúria teve o goleador Villa com 4 gols. Xavi escolhido o melhor jogador da Euro 2008.

Título mais do que merecido.

Para o bem o do futebol a equipe da Alemanha não foi a campeã. Outras equipes que se destacaram por apresentar um bom futebol ficaram pelo meio do caminho, como Holanda e Rússia.

Mais um erro

Só para não deixar batido. Revi os lances do clássico Grenal hoje pela manhã e o atacante Nilmar estava impedido no lance do gol do Inter. Como ele participa da jogada, inclusive tocando na bola, o gol foi irregular.

Outra. Dessa vez o equívoco foi meu. Não é o Pereira que comenteu o pênalti no Nilmar e sim o atacante Rodrigo Mendes.

domingo, 29 de junho de 2008

Empate injusto

Antes da partida todos davam o favoritismo ao Grêmio. Líder por pontos do Brasileirão, apresentando um bom futebol. A vitória tricolor no maior clássico do país parecia inevitável. Porém, nas quatro linhas não foi isso que se viu. O Inter dominou a partida, criou mais oportunidades. Além do gol colocou bola na trave e Victor foi o mehor dos tricolores.

O nome do jogo poderia ser Taison ou o goleiro Victor. Mas, Alício Pena Júnior roubou a cena. Deu um pênalti discutível, aos 33 da segunda etapa. No lance, Renan intercepta um cruzamento como todos os goleiros fazem com a perna erguida. No lance, o colorado choca sua perna com o atacante Rodrigo Mendes. Na minha opinião involuntariamente. O resultado foi o gol de empate do Grêmio. Lance de interpretação. Se o arbitro julgou que o Renan agrediu o gremista fez certo. Caso contrário, foi decisivo para o 1 a 1.

O jogo começou estudado, sem chances de gol. Aos 15, na primeira oportunidade o Inter saiu na frente. Gol de Índio, após grande defesa de Victor na cabeçada do uruguaio Sorondo. Depois os vermelhos dominaram o primeiro tempo. Outra oportunidade, somente no final da etapa. Aos 44, o garoto Taison, o destaque colorado na partida, fez grande jogada, mas parou nas luvas de Victor.

No segundo tempo, o jogo continuou igual. O Grêmio com a bola até a intermediária colorada. O Inter esperando para fazer o contra-ataque. Com isso surgiram boas oportunidades. Aos 3, Alex bateu no canto e Victor realizou uma grande defesa. Treze minutos depois Alex passou por três adversários e deu uma bomba que passou raspando a trave gremista. Ramón aos 24 minutos desferiu um chute na trave tricolor. O segundo gol colorado era questão de tempo. Aos 25, um erro da arbitragem, porém, com certeza ele não visualizou o lance. Pereira puxa a camisa de Nilmar. Na tevê fica claro, mas no campo é dífícil ser marcado. Logo depois o lance polêmico. Aos 33, pênalti convertido por Roger. No final, os vermelhos ainda tiveram uma grande chance. Alex laçou e Victor salvou o desvio de Nilmar na cara do gol.

Por tudo que anotei durante a partida ficou clara a superioridade do Inter nos noventa minutos. Muitas chances foram criadas para o Inter. O único chute gremista aconteceu na cobrança de penalidade. Pouco para quem é vice de campeonato. Por enquanto o Grêmio briga na ponta de cima e o Internacional na ponta de baixo da tabela. Isso será mantido? O Grenal mostrou algo diferente. Vamos esperar os próximos capítulos, já que o clássico não é paramêtro para o restante da competição.

sexta-feira, 27 de junho de 2008

Bolivar, Bolivar...General!!!


Esse grito muito escutado durante a Libertadores da América de 2006, nas arquibancadas do Beira-Rio, voltará a ser um dos cantos colorados a partir de agosto. Isso mesmo, o zagueirão Bolivar, um dos símbolos da conquista da competição está de volta. Ele será anunciado após o Grenal.

Bolivar sempre foi um jogador contestado. Atuava na lateral direita. Em 2006, foi improvisado pelo técnico Abel Braga na zaga. E foi aí que ele se destacou. Marcou por uma Libertadores fantástica. Foi perfeito, o melhor zagueiro da competição. Vendido para o Mônaco logo depois não manteve as mesmas atuações. Tem como principal característica e velocidade. Algo que falta a zaga Orozco e Marcão.

Outro reforço que pode ser anunciado depois do clássico é Rosinei. Destacou-se no Corinthians em 2005 e está no futebol espanhol. Trata-se de um terceiro homem de meio campo com muita movimentação. Não me encanta. Apenas um bom jogador, que quando campeão brasileiro com o Timão foi fundamental.

André Lima que estava praticamente fechado com o Internacional foi para o São Paulo. Fabiano Eller que também era uma ambição é o novo reforço do Santos. É bom a direção se mexer rápido.

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Primeira partida da final

O Fluminense tem um jogo fundamental para se consagrar campeão da Libertadores. Comandado por Renato Portaluppi o tricolor vai a Quito pegar a forte equipe da LDU. Além do bom time adversário com Guerron e Vera, os cariocas terão pela frente a altitude. É preciso ser experiente. Não correr mais do que o necessário. Em 2006, a partida mais difícil do Internacional foi lá, onde aconteceu a única derrota do clube gaúcho.

Time por time, o Fluminense leva vantagem. Tem um bom plantel. Renato escala seu time de forma ofensiva. O goleiro Fernando Henrique está em grande fase. Com laterais que apoiám muito: Júnior César, pela esquerda, e Gabriel, pela direita. A zaga é extremamente competente. A experiência de Luis Alberto e a qualidade do melhor zagueiro em atividade no país, Thiago Silva. Arouca e Ygor devem ser os responsáveis pela marcação no meio campo. Os dois dão a consistência suficiente para a saída dos meias Conca e Thiago Neves. Na frente o coringa Cícero, que joga no ataque, no meio e quando preciso vira libero, devido sua qualidade na bola aérea. O centroavante é o matador Washington. Autor dos gols que desclassificaram São Paulo e Boca Juniors. Contra o primeiro no último instante. E no segundo começando a reação na virada contra os argentinos.

Meu favorito com altitude e tudo é o Flu, mas o jogo será difícil. O Fluminense tem que conseguir passar pelos momentos de pressão que com certeza irão acontecer. Princiapalmente, pelo lado direito com Guerron, que apóia muito.

Renato Portaluppi pode ser o único brasileiro a conquistar a competição com jogador e como técnico. Torço por isso. Renato foi decisivo pelo Grêmio e está marcando seu espaço como grande treinador. Faltam os títulos, por enquanto somente uma Copa do Brasil.

Alemanha x Turquia


Hoje, acontece a primeira semifinal da Eurocopa 2008. Nas quartas foram só surpresas. Errei os quatro palpites apesar de ressaltar a qualidade das seleções vencedoras, principalmente da Rússia. Porém, o jogo de hoje deve acontecer o óbvio. Alemanha na final.

A última informação que tenho é que entre cartões e lesões os turcos terão 11 desfalques para o jogo. E que só o terceiro goleiro ficará no banco de reservas. Nunca vi algo assim. A Turquia que chegou até aqui com gols marcados nos últimos minutos, não deve nem ameaçar os alemães. Ainda mais com tantos jogadores fora de combate.

domingo, 22 de junho de 2008

Dividindo a liderança

Todos apostavam que o Grêmio chegaria na sétima rodada disputando a parte de baixo da tabela, mas isso não vem acontecendo. A equipe lidera o Brasileirão em pontos junto com Flamengo e Cruzeiro. Só perde para os cariocas no número de gols marcados. Neste domingo, foram três gols, três pênaltis, três vezes Roger.

Em um jogo que temos três pênaltis não tem como não falar da arbitragem. O primeiro em cima do centroavante Marcel foi indiscutível. O atleta Fael puxa claramente a camisa do gremista. O segundo sofrido por Roger fica a impressão de que ele se atirou. Porém, tenho que frisar que houve o contato e ele aproveitou isso para deixar o corpo cair. Não tenho certeza, portanto não há como culpar o árbitro. No terceiro, com certeza, Willian Magrão se atira e nem ao menos é tocado. Mas o árbitro em cima do lance marcou.

As três penalidades foram convertidas pelo nome do jogo: Roger. Também foi nele a falta que causou a expulsão do volante Fael ainda na primeira etapa. O técnico Celso Roth não terá problemas para escalar a equipe no clássico Grenal. Léo deve voltar a zaga.

Defesa entrega, e Inter deixa três pontos na Bahia

O Internacional tem muito mais time que o fraco Vitória. Porém, a equipe gaúcha não consegue somar pontos fora de casa. O colorado até que não jogou mal, mas teve falhas individuais que foram fundamentais para a derrota.

No primeiro tempo em duas oportunidades o chutão dos baianos se transformaram em gols. O centroavante Dinei ganhou a primeira bola, uma vez de Orozco e outra de Marcão. E a zaga estava sem cobertura. Aos 17, Marquinhos aproveitou a oportunidade. E aos 31, foi a vez de Willians ir as redes cara a cara com goleiro Clemer.

Na frente o Inter até criava. Principalmente, quando a bola era colocada no chão e passava pelos pés dos meio-campista Alex e do atacante Nilmar. As cinco oportunidades do primeiro tempo foram desperdiçadas. Em uma delas o atacante chegou a driblar o goleiro Nei e o zagueiro Leonardo Silva salvou.

No segundo tempo o técnico Tite cometeu duas falhar em minha opinião. Tirou Bustos e colocou Maycon. Para quê? Não tem como entender, já que não era o colombiano que estava falhando na marcação. Todas as falhas aconteceram do lado esquerdo com Marcão e no miolo da zaga com Índio e o atrapalhado Orozco. O outro equívoco do novo treinador colorado foi tirar Gil que não estava mal no jogo e colocar Adriano. Poderia ter sido mais ousado e retirar um volante por exemplo.

Logo no início do segundo tempo Marcão cometeu uma penalidade clara não marcada pelo árbitro. O Inter só começou a dar certo quando entrou o jovem meia Taison. Ele mudou a partida. Com uma grande movimentação e personalidade, aos 19 anos ele assumiu o time. E começou a jogada do gol de Nilmar. Colocou Marcão livre de marcação para o cruzamento. E Nilmar aproveitou, aos 22 min. Depois disso os gaúchos tiveram algumas oportunidades e mandaram no jogo. No final, o vitória voltou a ter chances e colocou duas bolas na trave colorada.


Taison pode ser a surpresa no Grenal. Ele é uma das poucas esperanças coloradas. Até aqui foram 4 jogos fora de casa pelo Campeonato Brasileiro e quatro derrotas. O quinto será o clássico no estádio Olímpico. A provável é mais uma derrota.

Brasil na líderança depois de 15 anos

Foi uma vitória e tanto. Felipe Massa quebrou um jejum de 15 anos ao vencer o GP da França. Um brasileiro não liderava o mundial de pilotos desde 1993 com Airton Senna. Agora Massa soma 48 pontos. O brasuca briga para quebrar mais um jejum na F1. Desde 91, os brasileiros não acabam o ano com a primeira posição no mundial de pilotos.

Kimi Raikkonen chegou na segunda posição. Teve aza durante a priva. Dominou durante sua maioria só que teve um problema no escapamento da Ferrari que acabou tirando rendimento, o que acabou dando a vitória a Felipe Massa. Na ponta o Brasileiro, só administrou a corrida.

Kubica que liderava a competição chegou apenas em quinto e agora está em segundo no mundial de pilotos. Somando 46 pontos.

O grande destaque ficou com o outro brasileiro. Nelsinho Piquet foi incrível. Depois de aguentar a pressão de Lewis Hamilton durante dez voltas. O brasileiro fez uma ultrapassagem fantástica no seu companheiro de equipe Fernando Alonso. Com isso, ele somou seus primeiros 2 pontos.

Russos entre os quatro

A Holanda era a favorita. Não só para o jogo, mas para o título. Apontada como o principal time. Os laranjas praticaram durante a primeira fase o futebol total, com muita qualidade passaram por cima de Itália, França e Romênia. Porém, não foi o suficiente para assustar a jovem geração russa. A seleção treinada por Guus Riddink vem apresentando um bom futebol. De muito toque de bola, com jogadores de muita habilidade.

Na primeira fase três atletas figuraram na minha seleção. O lateral-esquerdo Zhirkov que cria inúmeras jogadas pelo lado esquerdo de ataque. Eficiente na marcação e com muia qualidade na frente. Sua principal característica. O dono do jogo deste sábado foi o camisa dez, Arshavin. A bola sempre passa pelos pés dele. Habilidoso carimba todas as jogadas de frente do time russo. O Zenit da Rússia não consiguirá segurá-lo por muito tempo. Ele merece a dez de um Real, Barcelona. É desse nível. O outro que se destaca é o goleador Pavlyuchenko. Tem uma presença de área incrível. Já marcou três e abriu o placar nas quartas-de-final contra os holandeses.

Durante os primeiros 90 minutos a igualdade no placar, mas isso não refletiu o que foi o jogo. Os russos foram amplamente superiores. Conseguiram várias chances de gol, com um futebol envolvente. Pavlyuchenko marcou primeiro para a Rússia e Van Nistelrooy conseguiu o empate faltando cinco minutos para terminar a partida.

Nos 30 minutos de prorrogação a sensação da Euro 2008 acabou com a Holanda. 2 a 0. Gols de Torbinski e Arshavin. Vitória merecida de quem apresentou o melhor futebol até aqui. O título ainda está distante, mas não dúvido que essa equipe conquiste a competição. Dentro das quatro linhas tem encantado. Vamos ver se contra Itália ou Espanha na semi, eles mantém a qualidade.

quinta-feira, 19 de junho de 2008

Tradição supera bom futebol

Poucas vezes a seleção alemã entra em campo sem ser favorita. Pois essa foi uma dessas vezes. Em jogo válido pelas quartas-de-final da Euro 2008, a Alemanha conseguiu passar pelos portugueses. Nem Deco e muito menos Cristiano Ronaldo em grande fase deram conta do recado. Ballack foi a estrela do jogo. Marcou o gol que levou os alemães à semifinal da competição. 3 a 2.

Agora a Alemanha espera o vencedor entre Turquia e Croácia. Acho que Ballack e cia já estão na final.

Adeus, Dunga!!

Esse foi o grito que mais se ouviu durante a partida de ontem no estádio Mineirão. A torcida se mostrou indignada com a atuação da seleção canarinho frente a uma constrangedora Argentina, que tem em Messi seu único jogador em boa fase. Riquelme não consegue atuar na seleção o que joga no Boca. Mesmo assim os argentinos foram melhores. O resultado de 0 a 0 foi merecido as duas equipes demonstraram muita raça e pouco futebol.

As substituições de Dunga no meio campo brasileiro deram resultado. Anderson e Júlio Baptista deram imposição ao Brasil. Que dominou o meio campo até a lesão no joelho do ex-jogador gremista. Depois entrou Diego, que nada fez. Robinho foi novamente o único jogador criativo da seleção que necessita de maior qualidade.

Júlio César como sempre seguro. Lúcio e Juan estiveram bem. Mesmo assim o segundo mereceu ser expulso por duas oportunidades. Uma no primeiro tempo e outra no segundo. Esses três são as unanimidades na seleção. Os outros têm que lutar muito para conseguir uma vaga.

Adriano continua lutando muito, mas não consegue criar nada. Em aproximadamente 70 minutos em campo não deu nenhum chute no gol. Ainda depois do jogo, soltou a língua. E reclamou que a bola não chegou na frente. Luis Fabiano que entrou quando os Argentinos já dominavam o jogo fez muito mais que ele.

Alexandre Pato já merece uma chance. Entendo o Dunga que acha que vai colocar o garoto numa fria. Porém, o Pato já mostrou o que não sente pressão. Ele se destacou no Milan. Se lesionou, foi pro banco e Inzaghi desandou a marcar. Mas, quando entra invariavelmente o jovem prodígio faz sua parte. Além disso, já mostrou na própria seleção que merece uma chance.

Acho que o técnico da seleção não sai agora. Mas, devia sair. Ele deve durar até a Olímpiada, porém se não trouxer o ouro estará fora da seleção.

Seleção da Euro 2008

Vou apontar aqui os principais jogadores da Eurocopa 2008.

Aí vai a minha seleção:

1 - Buffon (Itália)
2 - Corluka (Croácia)
3 - Pepe (Portugal)
4 - Mathijsen (Holanda)
6 - Zhirkov (Rússia)
5 - Deco (Portugal)
8 - Sneijder (Holanda)
10 - Van der Vaart (Holanda)
11 - Arshavin (Rússia)
7 - Villa (Espanha)
9 - Pavlyuchenko (Rússia)

O craque da competição na primeira fase é Sneijder da seleção holandesa.

Qual é a sua seleção até essa rodada?

Definidos os confrontos das quartas na Euro

Nesta quarta-feira ficou definido o último classificado para as quartas-de-final da Eurocopa 2008. Trata-se da boa equipe da Rùssia que passou pela veterana equipe sueca por dois tentos a zero.

Palpites nas quartas:

Portugal x Alemanha

Os portugueses fizeram uma grande primeira fase, mas tiveram azar. Conquistando o primeiro lugar Felipão esperava escapar do confronto contra a Alemanha. Porém, com o deslize alemão contra os croatas isso não foi possível. Os lusos apresentaram um futebol melhor. Possuem Deco e Cristiano Ronaldo que fazem a diferença. Aposto minhas fichas em Portugal, mas não dá para esquecer da tradição alemã.

Croácia x Turquia

A equipe croata surpreendeu todo mundo. Foi primeiro no grupo que contava com a poderosa Alemanha. É favorita para o confronto. Possui mais qualidade. Um futebol bem jogado, de toque de bola. Já os turcos estão com raça e muita sorte. Nas duas vitórias turcas os gols saíram nos últimos minutos. Não devem passar dessa fase.

Holanda x Rússia

O Holanda tem apresentado o grande espetáculo da competição. A Euro 2008 não seria a mesma sem os holandeses. Mas, temos que tomar cuidado. Como característica a cor laranja vira amarela nas horas decisivas. Não deve acontecer contra os russos, mas não tem como apostar neles.

Os russos mudaram sua características. Tem a posse de bola. Muito toque e nada de balão. Jogadores a habilidosos, com técnica. Me impressionaram três atletas. O lateral-esquerdo Zhirkov é o melhor da Euro. Marca bem, mas sua principal característica é o ataque. Atua junto com Danil Carvalho e Jô no CSKA. Excelente jogador. No meio o astro do time. Arshavin, joga muito. Atua no Zenit e logo, logo estará vestindo a 10 dos principais equipes da Europa. Organiza todas as jogadas. E o centroavante. O jovem Pavlyuchenko já marcou dois gols na Euro. Vem impressionando com sua qualidade. Os três são as esperanças russas e podem tirar a melhor equipe do campeonato.

Espanha x Itália

A Espanha fez a melhor campanha e demonstrou um potencial ofensivo enorme. Porém, Itália é Itália. Na hora decisiva, a Azzuri passa a ser favorita. A Fúria sempre se desmancha nos momentos decisivos. Aposto na Itália. Mas, Villa e Torres podem fazer a diferença.

terça-feira, 17 de junho de 2008

Mudança para seguir comandante

O técnico Dunga vai mexer na equipe que entra em campo amanhã contra os hermanos. Com a fraca exibição diante dos paraguaios a mudança é inevitável. Perdem a condição de titular Josué e Diego. No lugar dos baixinhos entram Anderson e Júlio Baptista. Pelo menos o meio campo brasileiro terá mais força física para encarar a Argentina.

Em caso de uma derrota, o cargo de Dunga está a perigo. Se o arquirival brasileiro vencer bem no Mineirão a troca parece inevitável. Até porque a equipe canarinho não conseguiu evoluir com os dois anos de comando do treinador gaúcho. Ricardo Texeira não consiguirá resistir a pressão da imprensa paulista e carioca e deve mudar o comando técnico mesmo antes dos jogos olímpicos.

Grupo C: Itália conquista segunda vaga no grupo da morte

A seleção italiana está mal, mas vai chegando. Passou se arrastando pela primeira fase da Euro 2008. Numa reedição da final da última Copa do Mundo a Azzurri passou com certa facilidade pelos franceses. Vitória por 2 a 0. Logo início, uma penalidade para os italianos e a expulsão de Abidal foram fundamentais para chegar as quartas. Além disso, os franceses que carecem de qualidade perderam Ribery, seu princiopal jogador, que saiu lesionado nos primeiros minutos. Pirlo e De Rossi marcaram os gols.

No outro jogo, a Holanda recheada de reservas continuou arrasadora e manteve os 100 % de aproveitamento. Foram três jogos contra Itália, França e Romênia, com três vitórias e média de três gols por partida. Uma campanha fantástica tendo em vista o equilibrio do grupo. No último jogo, Van Persie e Hunteelar marcaram os gols da Laranja Mecânica. Os favoritos para o título da Euro.

Agora Itália enfrenta a Espanha, que já está garantida na primeira posição do Grupo D. Enquanto isso, a Holanda espera quem sair vitorioso da partida entre Rússia e Suécia.

Jogo quente


O periódico peruano El Bocón exibe hoje, em matéria de capa, o jogador Solano apontando uma arma para a camisa Uruguaia. O jornalista pediu que o atleta tirasse a foto e ele aceitou. Um absurdo!!! Tanto por parte do jornalista, ou fotógrafo quanto por parte do atleta. Uma pessoa pública faz isso e depois não sabe porque acontecem as tragédias nos estádios de futebol. Agora é esperar e torcer para que nada aconteça com o Peru que viaja hoje para o Uruguai, onde enfrenta a celeste pelas eliminatórias da Copa do Mundo.


Uruguai e Peru se enfrentam hoje à noite no estádio Centenário, em Montevidéo, às 19 horas.

Novo Barça

O novo técnico do Barcelona, Josep Guardiola, confirmou nesta terça-feira que não pretende contar com Ronaldinho Gaúcho, Deco e Samuel Eto'o para a próxima temporada.

O treinador acredita que Ronaldinho não voltará a atuar em alto nível. Isso porque continua com sua rotina de indisciplinas. Sempre fazendo festas, sem dedicação para voltar a atuar. É triste ver um grande craque, pelo menos em clubes, já que nunca apresentou um grande futebol na seleção, aposentar-se tão cedo aos 28 anos. O atleta tem propostas do Man City e LA Galaxi, e especulações do Milan e do Chelsea.

Já o português Deco está de malas prontas para o futebol inglês. Mais precisamente para o Chelsea, equipe do técnico Luis Felipe Scolari. Felipão fez questão de contar com o jogador de sua confiança para começar o trabalho nos Blues.

Eto'o está com o destino incerto. Têm propostas dos principais clubes do mundo, mas a negociação ainda não está encaminhada.

Uma coisa é certa. Com a saída dos principais jogadores do clube o Barça tem que sair para contratar. Somente Messi e Henry não darão conta de colcoar o time catalão entre os melhores do mundo.

segunda-feira, 16 de junho de 2008

Indicação

Estava lendo as notícias diárias e quando cheguei a informação que Marcos Assunção está voltando ao Brasil. O volante está sem vínculo. Portanto, é só acertar o salário. Já que o Grêmio deve perder Eduardo Costa no meio do ano. Pensei, porque não? Seria uma troca e tanto para os gaúchos. Marcos Assunção joga muita bola, além de ter uma bola parada que beira a perfeição. Ele estava há duas temporadas no Al Ahli, dos Emirados Árabes.

O que vocês acham??

Descanso com o time do coração


Uma funerária vem inovando no Rio de Janeiro. Pelo menos eu acho que deva ser nova a medida adotada. Ela está fabricando caixões com os símbolos dos clubes para que os torcedores que venham a falecer sejam enterrados com o clube do coração.

Será que os clubes gostaram dessa idéia?

Grupo B: Alemães vencem, mas não convencem

A Alemanha conquistou a segunda colocação do grupo, após derrotar a fraca equipe da Áustria. Venceu, mas não convenceu. Apresentou um futebol muito fraco, sem criação e movimentação. Foram poucas as chances criadas. Os austriacos mereciam até mesmo um melhor resultado. No primeiro tempo, foi sonegada uma penalidade para o time da casa, o que podia mudar a rumo da partida. O gol alemão saiu dos pés de Ballack. Uma cobrança de falta perfeita.

No outro jogo, a Croácia mostrou sua supremacia. Manteve os 100% de aproveitamento ao derrotar a Polônia, mesmo jogando com muitos reservas.

Na fase de quartas-de-final teremos a Croácia enfrentando a Turquia, e Portugal pega a Alemanha.

Pelo futebol dentro campo, Portugal é favorito para o jogo. Porém, não podemos desprezar a história de títulos alemães. Um seleção tradicional que vai dar muito trabalho para Luis Felipe Scolari.

No outro confronto já definido, os croatas levam uma pequena vantagem. Apresentaram um bom futebol até agora. A equipe turca mostrou muita raça e conseguiu duas vitórias no último minuto. O jogo será decidido no detalhe.

Brasil decepciona, Dunga balança

A seleção foi reflexo de sua escalação. Uma equipe sem força, sem movimentação, mal postada dentro de campo. Só um resultado era esperado. A vitória dos paraguaios. E foi isso mesmo que aconteceu. 2 a 0, e um banho de bola. Podia ter sido 4 ou mais.

O ataque de Roque Santa Cruz e Cabañas foi infernal. Além dos dois gols, colocaram duas bolas na trave da goleira defendida por Júlio Cesár. Com o resultado Dunga balança. A pressão é grande contra o gaúcho que colocou em campo uma equipe retrancada. Fugindo das características brasileiras.

Com a lambança que o treinador brasileiro fez na escalação até mesmo jogadores já firmados como Lúcio e Juan não conseguiram atuar bem. Também, cercados por atletas inqualificavéis não é fácil. Dunga ainda não conseguiu escalar uma equipe sólida. Sem Kaka, fica completamente perdido. E apela para os três volantes.

Os dois laterais não podem vestir a camisa canarinho. Está mais do que provado. Gilberto é jogador para clube, vai atuar mais dois anos, e se aposentar. Maicon é um zagueiro pelo lado direito. Sua única qualidade é a imposição física, pouco, para quem veste a número dois que já foi de Cafu.

Acho que devido ao apelido, Dunga quer montar uma seleção com anões. Poxa vida! É lamentável assistir o Brasil com Josué e Mineiro de volantes. Tendo Hernanes um dos melhores jogadores do mundo na posição e Anderson que vem em grande fase sentados no banco. Os dois, além de técnica superior aos ex-atletas do São Paulo, têm a imposição física exigida pela posição. Gilberto Silva pode até fazer parte do grupo por sua história, mas não pode continuar comandando o meio campo brasileiro.

Diego sozinho na armação nem pode ser cobrado. Robinho e Luis Fabiano ficaram isolados no ataque. O centravante brasileiro não deu um chute em 90 minutos. Adriano entrou e nada fez. Do mesmo jeito como aconteceu contra a Venezuela. Será que recém reabilidado para jogar em clubes o Imperador já está preparado para atuar pela seleção? Acho que não.

O Brasil jogou o segundo tempo inteiro com um homem a mais, mas não adiantou. Estamos apenas em quarto e o Paraguai lidera o grupo Sulamericano para a Copa do Mundo. É triste isso, mas desde que perdemos, o centroavante, Ronaldo e, o meia, Rivaldo não temos mais o melhor futebol do mundo.

Grupo A: Turquia consegue vaga incrível

Com Portugal já classificado e poupando os melhores jogadores toda a atenção da rodada ficou voltada para a partida entre Rep. Checa e Turquia. A maioria apostando as fichas nos Checos, mas deu zebra. Os turcos que já haviam conquistado três pontos nos últimos minutos contra a Suiça, e voltaram a repetir a dose. Petr Chech e cia. venciam a partida até os 42 minutos da segunda etapa. Porém, o país euroasiático foi bravo e marcou dois gols no final do jogo. O herói foi Nihat que marcou aos 42 e 44 minutos da etapa final.

Com o resultado, a Turquia chegou aos seis pontos e ficou com o segundo lugar do Grupo A, liderado pela seleção de Portugal. Os portugueses também ficaram com seis pontos, mas ficam na liderança por conta do confronto direto.

Com a segunda colocação, a Turquia irá enfrentar a Croácia nas quartas-de-final da Eurocopa. O time enfrenta os croatas na próxima sexta-feira, em Viena, na Áustria, na briga por uma vaga nas semifinais da competição continental.

Grupo D: Villa continua fantástico

A Espanha passou pelo adversário mais difícil do Grupo D. Os gols da Fúria foram marcados por Torres e Villa. O segundo foi feito no final da partida. Quando o empate já era dado como certo para todos. Ibrahimovic marcou o gol sueco. Na outra partida, a Rússia derrotou a Grécia. E decidirá com a Suécia a segunda vaga para a próxima fase.

Pelo que mostraram, até o final da segunda fase da competição, já dá para apontar os favoritos. Holanda, o principal, vem mostrando o melhor futebol, contra os melhores adversários. A Espanha vem muito bem. Com um ataque perfeito formado por Villa e Torres. Outro que pode levar a taça é Portugal de Felipão, principalmente através de Deco e C. Ronaldo que fazem a diferença.

Grêmio mantém a boa fase

Quem apostava que o Grêmio no máximo brigaria para fugir do rebaixamento parece que estava equívocado. A cada rodada que passa, a equipe comandada por Celso Roth se firma ainda mais. Derrotou o Goiás fora de casa por 3 a 0. Um banho de bola no Serra Dourada. O resultado foi tão importante que o tricolor alcançou os líderes do campeonato com 13 pontos. Só perde a primeira colocação no saldo de gol para o Flamengo. Há 12 anos os gaúchos não derrotavam a equipe no Serra Dourada. Em 96, quando isso aconteceu o Grêmio foi campeão.

Celso Roth não teve Perea, que estava resolvendo os problemas de falta de gols das primeiras rodadas, mas teve Marcel. O centroavante marcou duas vezes de cabeça. O terceiro foi um golaço do zagueiro Willian Thiego. Uma bomba de pé direito. Quase furou a rede defendida pelo goleiro Harlei.

Vale destacar a grande atuação do goleiro Victor. Pelo menos eu duas oportunidades ele operou verdadeiros milagres. Cara a cara com os atletas do Goiás ele conseguiu fazer a defesa.

A vice-de-futebol André Krieger fez uma promessa "o Grêmio está proximo de anunciar as cerejas do bolo". O dirigente aponta como fundamental reforçar o elenco para conseguir acabar o campeonato na ponta. O clube gaúhco tem um acerto com Souza do PSG. O ex-jogador do São Paulo virá por uma temporada.

O Goiás perdeu o técnico Vadão. Hélio dos Anjos foi contratado para comandar a equipe verde. Que ganha reforços como Iarley, que já jogou no final de semana, Adriano Gabiru e Romerito que volta a vestir a camisa do Goiás.

Vitória com técnico novo

Em dia muito triste para os colorados, devido ao anúncio da venda do capitão Fernandão, o Internacional comemorou a primeira vitória do clube com Tite no comando técnico. O jogo foi cheio de emoção. Antes da partida torcedores choravam ao saber que não veriam mais o maior jogador da história do clube vestir a camiseta vermelha. Durante a partida o time não foi brilhante, muito longe disso. Iniciou bem. Pressionou o Botafogo e marcou dois gols logo no princípio da partida.

O primeiro saiu logo aos 6 minutos, quando o novo capitão da equipe acertou um pombo sem asas, do meio da rua, um golaço a bola entrou no ângulo do goleiro Renan do Fogão. Passaram onze minutos e Adriano aproveitou uma bobeira da zaga botafoguense e quase sem ângulo marcou de pé direito, forte. 2 a 0.

No decorrer da partida o Internaconal foi perdendo território. O Botafogo veio pra cima dos colorados. Criou oportunidades, mas parou nas mãos do goleiro Renan. Sidnei foi expulso ainda na primera etapa. No final, depois de tanto atacar, o clube carioca conseguiu descontar com Alessandro de cabeça. Mas não havia tempo pra mais nada. Na estréia, Tite conseguiu um bom resultado. Melhor que isso foi a atitude dos jogadores, que voltaram a vibrar e a correr.

A direção colorada deve fazer mais três contratações para o decorrer da temporada. Um meia armador deve ser contratado, junto com um atacante e um lateral-esquerdo. Os jogadores chegarão somente em agosto quando abre a janela para transferências para Europa.

sábado, 14 de junho de 2008

Adeus do atleta mais importante da história do Inter


O dia 14 de junho de 2008 vai ficar marcado na memória de cada colorado. O jogador mais importante da história do Internacional está de saída. Capitão das principais conquistas, Libertadores e Mundial. Foram os quatro anos mais felizes da torcida, após um grande jejum de títulos.


O atleta está se transferindo para o Al Gharafa. O valor da negociação não foi divulgado. Porém, informações dão conta que a transação gira em torno de 3,5 milhões de euros. Pouco para o que representa o jogador para o Internacional. Mas um valor considerável se pensarmos nos seus trinta anos. Ele marcou uma era, que está se acabando.


A direção promete trazer um jogador para o lugar do capitão colorado. Não será um nome tão forte como o de Fernandão de hoje, mas um atleta que venha para fazer história como ele contratado há quatro anos.


No meio do ano, o Inter deve perder também Alex, que é alvo de propostas européias. A direção já aceita como improvável sua permanência depois da abertura da janela de agosto. O Inter passa de candidato ao título a uma luta para permanecer no série A do Brasileiro no ano de seu centenário.

sexta-feira, 13 de junho de 2008

Grupo C: Holanda continua arrasadora

Com pinta de campeã a seleção holandesa vem apresentando o melhor futebol da Eurocopa. A equipe comandada por Marco Van Basten está destruindo os adversários. Pegou mais um campeão do mundo pela frente, desta vez a França, e não tomou conhecimento. Outra goleada, 4 a 1. Os gols laranjas foram marcados por Kuyt, Robben, Sneijder e Van Persie. Com o resultado a Holanda conquistou o primeiro lugar no Grupo e nada tem a fazer na última rodada contra a Romênia.

No outro jogo do grupo, Buffon salvou a Itália da desclassificação. Em uma partida perfeita o goleiro fechou o gol. O arqueiro italiano pegou até um pênalti. A Itália foi pressionada pelos romenos e graças a Buffon chega viva no último jogo. França e Itália torcem por uma vitória da Holanda. Ainda acho que passa a Itália. Tem mais equipe que os franceses e a Romênia não conseguirá segurar o forte ataque laranja.

Tite tem problemas para escalar o Internacional

No seu primeiro jogo no comando do Inter o técnico Tite não poderá contar com alguns dos principais jogadores da equipe. Alex expulso na partida anterior, contra a Portuguesa. E Nilmar que vinha marcando gols fica de fora pois sentiu uma lesão muscular. Adriano deve entrar na vaga do atacante.

A direção colorada através de Assessor de Futebol Fernando Carvalho confirmou que o clube está com problemas nas laterais. Ângelo foi apresentado ontem, para os torcedores. Agora o dirigente busca um lateral pelo lado esquerdo. Segundo o ex-presidente as negociações estão bem encaminhadas com esse atleta. Um jogador de meio campo do exterior também deve chegar. O nome preferido é de Cleber Santana, que atua no Atlético de Madrid.

Grupo B: Croácia joga bem e derrota os favoritos

Os croatas surpreenderam a Europa nesta quinta-feira. Derrotaram os favoritos do grupo, com um futebol superior nos 90 minutos. Com o resultado, a Croávia ostenta 100 % de aproveitamento e conquistou a classificação antecipada para próxima etapa. Na outra partida do a Polônia continuou com esperanças de classificar-se na última rodada com um gol no final.

A Croácia que já havia tirado a Inglaterra da Eurocopa mostrou para que veio. Derrotou a grande favorita Alemanha. 2 a 1. Gols de Srna e Olic. Podolski um dos goleadores da equipe descontou para os alemãoes e marcou seu terceiro gol. Ao lado de Villa da Espanha se tornou o goleador da competição. O resultado pode ser ruim para os alemães na próxima fase. Se classificando em segundo no Grupo, devem enfrentar Portugal.

quinta-feira, 12 de junho de 2008

Fim da novela

Os leitores deste blog já sabiam há tempo, mas no final da manhã de hoje o Internacional anunciou a contratação de Tite como novo treinador. Além dele, o lateral-direito Ângelo já assinou contrato com o clube.

A novidade ficou por conta da volta do ex-presidente Fernando Carvalho ao futebol colorado. Carvalho retorna ao Beira-Rio na função de Assessor de Futebol. Ele foi convidado pelo vice-presidente de futebol, Giovanni Luigi, e passa a atuar ao seu lado no departamento de futebol.

Campeão merecido

Nada mais justo que o título conquistado pelo Sport, de Recife. Comandado por Nelsinho Baptista foi a melhor equipe da competição. Não importa o resultado de fora de casa. Na Ilha do Retiro o placar seria revertido. Essa foi a história da competição. Até a taça, passou simplesmente por Palmeiras, Internacional, Vasco e Corinthians.

Após perder por 3 a 1 fora de casa poucos acreditavam no Sport. Apontei que a equipe de Recife no mínimo venceria por dois gols de diferença. O que vinha ocorrendo em todas as partidas na Ilha.

O Timão na final virou timinho. Mano Menezes manteve sua rotineira carreira de retrancas fora de casa. Sacou Lulinha da equipe e colocou Alessandro, velho bruxo da época de Grêmio. Isso foi fundamental para derrota. Os jogadores perderam a cabeça. Willian e Saci foram expulsos por agredir Carlinhos Bala. Fabinho deu um soco no atleta Enílton mas não levou o vermelho.

Os destaques do campeão foram Carlinhos Bala e Luciano Henrique. Os dois marcaram na vitória. O segundo em uma falha do goleiro Felipe do Corinthians.

Grupo A: Primeiro classificado

Portugal de Felipão é o primeiro classificado à próxima fase da Eurocopa 2008. A equipe não tomou conhecimento do forte time da República Tcheca. 3 a 1 e um banho de bola. Gols de Deco, Cristiano Ronaldo e Quaresma. Para os tchecos descontou Sionko. Deco e Ronaldo podem levar o título inédito aos Portugueses. Estão jogando muita bola.

No outro jogo do grupo a Turquia conquistou a vitória no último minuto. Derrotou os suiços por 2 a 1. O gol salvador foi marcado Turan no final do jogo. Os turcos enfrentam os tchecos na última rodada, quem vencer fica na segunda colocação.

quarta-feira, 11 de junho de 2008

Felipão no Chelsea

Luis Felipe Scolari é o novo técnico do Chelsea. A notícia já está vinculada no site do clube inglês. O treinador brasileiro não vai se pronunciar até o final da Euro 2008.

Nelsinho? Eu dúvido!

Muitos estão cogitando o nome de Nelsinho Batista para treinar o Internacional. Eu dúvido que isso aconteça. Segundo as informações o presidente Vitório Pífero quer o técnico do Sport. E Giovanni Luigi quer Tite no comando colorado.

Nelsinho Batista deixou o Internacional indo para o Corinthians em 1996. Na época ele disse que estava deixando o clube gaúcho para treinar uma equipe grande. Lembro de escutar uma entrevista de Pífero na Rádio Guaíba. Se não me engano em 2007. Ele entrou no ar logo após o treinador que na época se candidatava para o lugar de Abelão. Pífero disse literalmente "Enquanto eu estiver no clube esse cidadão (Nelsinho Batista) não comandará o time do Inter". Por que agora uma mudança. Na época, não faz tanto tempo assim, o discurso foi forte contra o caráter de Batista. Agora ele serve?

Outra, no momento o Internacional tem entre 70 e 80 mil sócios em dia. Com a contratação de Nelsinho Batista afirmo com certeza que pelo menos 30 % desses vão se desfiliar do clube. Se conheço bem a torcida colorada, ela não admitiria essa afronta ao clube.

No ano passado Nelsinho derrubou, ou ajudou a derrubar o Timão para a série B. Com sua contratação o Inter estará lá no ano de seu centenário.

terça-feira, 10 de junho de 2008

Divergência no Beira Rio

O Internacional vive uma crise que há tempo não passava perto do lado vermelho do Rio Grande do Sul. Giovanni Luigi acertou todos os detalhes e fechou a contratação de Tite para o comando técnico do clube. Porém, foi vetado pelo presidente Vitório Pífero. Que não pretende ter um técnico com ligação com o arquirival Grêmio. Enquanto isso quem perde é o Internacional.

A briga de beleza entre Luigi e Pífero parece estar levando o clube rumo a segunda divisão em seu centenário. Não há consenso entre os dirigentes para a contratação do novo treinador. Para o presidente não é necessário pressa, para o vice-de-futebol a demora está atrapalhando os resultados dentro de campo. Luigi já demonstra constrangimento com a situação e não é descarada sua saída.

Há dez dias o Inter está sem técnico. Há um mês não vence uma partida. Apesar do grupo de jogadores qualificado o time se encontra na zona de rebaixamento.

Grupo D: Sem surpresas

Nesta terça-feira ocorreram os jogos do Grupo D da Euro Copa 2008. Os dois favoritos venceram seus jogos. A Fúria atropelou a seleção russa por 4 a 0, em uma grande exibição de David Villa. Na outra partida, a Suécia mesmo com uma fraca atuação derrotou a atual campeã Grécia, por 2 a 0.

No primeiro jogo do dia a Espanha fez uma grande partida. Junto com a Holanda foram as grandes apresentações da primeira rodada da competição. Com um futebol de muito toque de bola a Fúria foi envolvente. Villa marcou três gols e Fabregas aumentou o placar no final.

O jogo entre Suécia e Grécia foi de qualidade muito baixa. Os dois com uma forte marcação. No fim venceu quem teve a qualidade individual do seu lado. Ibrahimovic abriu o placar. Ele não fazia gols pela seleção sueca há três anos. O segundo gol foi marcado pelo zagueiro Hansson.

Tanto Suécia quanto Espanha devem se classificar sem problemas. Só falta saber quem será o líder do Grupo. Pra mim a Fúria fica com a primeira posição.

segunda-feira, 9 de junho de 2008

Grupo C: Holanda arrasa seleção italiana

No chamado "Grupo da Morte", por reunir quatro seleções fortes, ocorreu o principal jogo da Euro 2008 até aqui. A Holanda passou por cima da Itália. Foi superior durante todo jogo e não tomou conhecimento da atual campeã mundial. Em compensação a outra partida do Grupo foi decepcionante. Uma França triste sem movimentação, e na primeira competição sem Zidane, ficou apenas no zero a zero com a Romênia.

Foi um jogaço. Holanda derrotou a Itália por 3 a zero. Dominou o meio campo e utilizando os lados do campo chegava a todo o momento no gol defendido por Buffon. A velha Itália atuou com a velha retranca. Toni, coitado, sozinho isolado na frente. Para armar Ambrosini. Mostrou uma equipe mal postada dentro de campo. Enquanto isso a Holanda oganizada e incrivelmente aguerrida. Um time que sempre apresentou bom futebol, mas é marcado por não ter combatividade e por isso não conquistar títulos, apareceu diferente. Além de jogar marcou muito. Não deu chances para os campeões mundiais. Deve passar em primeiro no Grupo. A outra vaga ficará entre Itália e França. Pelo que vi passa Itália.

Ângelo será o lateral-direito

Junto com Tite, o Internacional deve anunciar a contratação do lateral-direito Ângelo. Em troca o colorado cederá Jonas e Ji-Paraná ao clube paranaense. O anúncio deve ser feito até está terça-feira. As laterais coloradas vem sendo contestadas. Tanto do lado direito com Bustos e Jonas quanto do lado esquerdo com Marcão e Ramón.

Tite é novo técnico do Inter


Adenor Leonardo Bacchi, o Tite, deve ser anunciado no máximo até amanhã como novo técnico do Inter. Giovanni Luigi e Fernando Carvalho convenceram o presidente Vitório Pífero em contratar o treinador. Pífero tinha restrições a aproximação de Tite com o arquirival Grêmio. Além disso, Tinga foi fundamental para a escolha. Ele foi comandado pelo treinador quando vestia a camisa tricolor.


Depois de tentar Paulo Autuori. Secar o São Paulo para ter Muricy Ramalho. Tentar convencer Zico a ficar no Brasil. O Internacional decide por Tite. Uma das últimas alternativas.


Quatro fatores foram fundamentais:


1 - Os resultados ruins estavam expondo a necessidade de anunciar logo um novo treinador.


2 - Estava faltando comando no vestiário. Isso fica claro no caso do Internacional, que apesar de sair vencendo os jogos, volta para o segundo tempo e rotineiramente sofre a virada. Além disso, o excesso de expulsões são um reflexo de falta de comando. Para a direção Tite tem características para mudar isso.


3 - A direção está preocupada com o clássico grenal do dia 29 de junho. E vê em Tite um treinador inserido ao contexto gaúcho, que conhece o meio. Não terá problemas, pois já conhece o adversário.


4 - Dorival Júnior que seria a outra alternativa tem uma multa rescisória relativamente alta. Enquanto Tite sairá mais barato para os cofres do clube.


CURRÍCULO


Tite tornou-se treinador em em 1990, quando dirigiu o Guarany de Garibaldi. Em 2000, levou o Caxias ao título gaúcho em pleno estádio estádio Olímpico, contra o Grêmio de Ronaldinho Gaúcho. Foi contratado pelo Grêmio, e ganhou o Gaúcho e a Copa do Brasil em 2001.


Dirigiu o São Caetano por duas temporadas até ser demitido no meio do Campeonato Paulista de 2004. Mais tarde naquele ano, assumiu o Corinthians e levou o time, que beirava o rebaixamento, ao quinto lugar. No ano seguinte foi demitido.


Logo depois, foi contratado pelo Atlético Mineiro que foi rebaixado. Dirigindo o Palmeiras, começou o período pós-copa com 7 vitórias, 5 empates e 1 derrota. Mas após desavenças com Salvador Hugo Palaia, dirigente do clube, Tite foi demitido.


No fim de 2007 foi contratado pelo Al Ain do Emirados Árabes, mas ao fim de seis meses no comando da equipe foi demitido por não concordar com o pedido dos dirigentes para relacionar um jogador da seleção do país. Tite comandou a equipe em 25 jogos, vencendo 13, empatando seis e perdendo outras seis.

"Eduardo Costa não vestirá mais a camisa do Espanhol"

Essa frase foi dita pelo diretor do Espanhol Paco Herrera ao jornal AS. Com isso, cresce a chance da peermanência do alteta no estádio Olímpico. Basta que ele não receba propostas. Uma excelente notícia para os gremistas. Eduardo Costa junto com Léo e Roger são os bons jogadores do Grêmio. Ainda faltam algumas contratações, mas segurar os principais ajogadores do elenco é essencial para manter a boa fase.

Em compensação tem jogador de saída. Trata-se de Júlio dos Santos. Ele veio no início da temporada cheio de pompa. Tem um salário invejável, mas não mostrou a que veio. Não teve boas atuações vestindo a camisa tricolor. O paraguaio deve acertar a sua saída com o Cerro Porteño.

domingo, 8 de junho de 2008

Excelente campanha

O Grêmio vem surpreendendo a cada rodada. Bateu neste domingo o forte Fluminense. Muitos podem afirmar que o tricolor carioca estava com a cabeça na final da Libertadores. Isso até pode ser verdade, porém, é de suma importante que as oportunidades sejam aproveitadas. E o clube gaúcho está conquistando resultados inportantes nas primeiras rodadas.

Perea marcou os dois gols gremistas. A seleção colombiana fez bem para o jogador, que não vinha aproveitando as chances. Hoje foi decisivo. Para o Fluminense descontou Dodô de pênalti. Continuando assim o Grêmio briga sim, por uma vaga na libertadores.

Internacional, reflexo da direção

O Internacional dentro das quatro linhas é a cara da sua direção, lento, desarrumado e sem atitude. Há uma semana sem técnico ainda nada foi feito para mudar. Pensando no centenário a diretoria se sujeita a atuar em um jogo da competição sem comandante. Uma vergonha pra quem pensa em chegar na Libertadores em 2009. Está mais perto a participação vermelha na série B.

Após uma primeira etapa ruim, mas com o resultado favorável, o Internacional voltou para os últimos 45 minutos de forma lamentável. Sonolento, em pouco tempo levou três gols. Novamente, como já é rotineiro o vestiário fez mal para o Inter.

A Portuguesa foi melhor, principalmente na segunda etapa. Os gols foram marcados por Washington, Bruno Rodrigues e Diogo. Para o Inter descontou Nilmar. Alex ainda foi expulso por reclamação.

A informação de momento da conta de que Giovanni Luigi se reunirá com Zico para convencê-lo a treinar o clube. Para que isso ocorra será mostrado o projeto para o ano do centenário. O problema é que Zico já afirmou que pretende continuar na Europa.

Favoritos vencem no Grupo B

Os favoritos do Grupo conquistaram os três pontos neste domingo, na Euro 2008. A Alemanha passou pela Polônia por 2 a zero. E a Croácia bateu a Aústria por 1 a zero.

Os croatas demonstraram melhor qualidade. Mas só conseguiram marcar o gol através de uma penalidade, ocorrida ainda no início da partida. A Croácia vai disputar a segunda colocação do Grupo B com a Polônia. Leva vantagem, tem mais qualidade. Foi quem desclassificou o Inglaterra nas Eliminatórias da competição. O gol foi marcado por Modric.

A Alemanha é uma das favoritas na Euro 2008. Deve vencer com facilidade os três jogos da primeira fase. Está atuando com três atacantes, com Podolski mais recuado. Esse inclusive, autor dois dois gols da equipe. Uma equipe forte que mantém a base da última Copa. Com a entrada de Mário Gomes no ataque.

Polonês voador

Em uma prova cheia de confusões e batidas, o polonês Robert Kubica brilhou venceu e é o novo líder do mundial de pilotos, com 42 pontos. O melhor piloto da temporada aproveitou a trapalhada do inglês Lewis Hamilton, que se acidentou com Kimi Raikkonen na saída dos boxes, e conquistou sua primeira vitória. Em segundo chegou seu companheiro de BMW, Heidfeld.

O destaque negativo da corrida fica mais uam vez com a Ferrari. A equipe italiana tirou a liderança do campeonato das mãos de Felipe Massa. Ele teve que parar para fazer o reabastecimento em duas voltas consecutivas. Ficando na última colocação. Mesmo assim, o piloto se recuperou conseguiu a quinta posição e está com 38 pontos ao lado de Hamilton.

Barrichello fez uma bela prova chegou a liderar a corrida, mas ao parar para reabastecer perdeu alugmas posições. Chegou em sétimo. Nelsinho esteve bem no início da corrida fez importantes ultrapassagens mas abandonou a prova. Couthard que não participava de um pódio na F1 desde Mônaco em 2006, chegou em terceiro.

O Rei do saibro


Nadal mostra a cada tormeio ser invencível no saibro. O espanhol conquistou pelo quarto ano consecutivo o torneio de Roland Garros. O número 2 do mundo não tomou conhecimento de Roger Federer. Patrolou o adversário com direito a pneu e tudo. Três sets a zero (6/1, 6/3 e 6/0).


O Cabeça-de-chave número dois em Paris teve uma campanha fantástica no Aberto da França. Vencendo os 21 sets disputados. No total, perdeu apenas 29 games.

Faltam só 160

Túlio Maravilha é um fenômeno. Neste sábado marcou mais três gols e está firme e forte rumo ao milésimo. O bom e velho matador marcou os gols que deram a vitória a Vila Nova contra o América-RN. Com 39 anos de carreira ele chega aos 840 gols. Nas séries A, B e C foram 191 gols marcados. Depois de Romário com certeza é o centroavante da minha geração que mais comparece no placar.

sábado, 7 de junho de 2008

Futuro técnico

A rodada de hoje do Campeonato Brasileiro não foi nada boa para as pretensões da direção colorada. Muricy Ramalho um dos escolhidos pelos dirigentes podia ser demitido e acabar no Beira-Rio em caso de derrota ou empate para o Atlético-MG no Morumbi. Porém, o São Paulo fez sua melhor partida na temporada. Derrotou a equipe mineira por 5 a 1. E Muricy se distanciou e não vai comandar o Internacional nessa temporada.

No intervalo da partida o reporter Cristiano Silva da Rádio Bandeirantes informou que Tite deve ser o novo técnico do Internacional. Basta que o ex-presidente colorado Fernando Carvalho convença Vitório Pífero de que este é o nome certo. O atual presidente do Inter não gosta da ligação do treinador com o arqui-rival Grêmio.

Outra alternativa pode ser Paulo Bonamigo. É um técnico que conta com a admiração de Fernando Carvalho, que em várias oportunidades já esteve por vir para o Beira-Rio, mas a negociação nunca avançou. Agora Bonamigo treina o Paraná que faz uma má campanha na série B, e colocou o cargo a disposição da diretoria neste sábado.
O nome de Paulo Autuori já está descartado já que o treinador está acertado com o clube do Catar. Dorival Júnior do Coritiba é uma alternativa, basta que o Inter pague a multa recisória do do técnico junto ao Coxa Branca.

Ainda não está descartada também a permanência do interino Guto Ferreira. Em caso de bons resultados o treinador pode se firmar como comandante colorado.

Portugal tá sobrando


A seleção portuguesa mostrou hoje por que é a favorita do Grupo A da Euro 2008. Derrotou a boa equipe turca por 2 a 0 com uma boa exibição. Comandado por Felipão, Cristiano Ronaldo foi um dos destaques dos portugueses, que pressionou o adversário, principalmente jogando pelas laterais do campo. Gols de Pepe e Meireles.

Na outra partida do grupo, a República Checa sofreu para derrotar os donos da casa. A Suiça, assim como na Copa, mostrou-se defensivamente aplicada, mas do meio para frente nada criou. Ainda perdeu Frei seu principal jogador para o decorrer da competição. Os tchecos sem Nedved não são mais os mesmos. Jogam somente através de balões para área procurando o gigante Koller. O gol da vitória saiu dos pés de Sverkos, após erro na saída de bola dos suíços.

Vai dar Hamilton

Se nenhuma surpresa ocorrer na corrida de amanhã no Canadá o líder do campeonato deve se distanciar ainda mais dos adversários. Lewis Hamilton sobrou na pista. A cada volta que completava marcava a melhor volta. Com uma perfomance perfeita chegou seis décimos na frente do segundo colocado, o polonês Kubica.

O melhor piloto da Ferrari foi Kimi Raikkonen em terceiro. Massa ficou apenas com a sexta colocação e só deve brigar por pódio se os acidentes ajudarem.

Alonso mesmo dirigindo um carro inconfiável como a Renault vem demonstrando ser o melhor piloto da categoria. Colocou a equipe francesa na quarta posição do Grid de largada. Nelsinho deixou a desejar mais uma vez e marcou o décimo quinto tempo.

O outro brasileiro Rubens Barrichello teve um grande dia. Colocou a Honda na nona colocação. Um resultado fantástico para a equipe.

Lamentável

Antes do jogo até pensei que a seleção desempenharia um bom papel no amistoso contra a Venezuela nesta sexta-feira. Tudo por causa dos três homens de frente que vestiriam a amarelinha. Porém, a atuação dos melhores atletas do mundo foi lamentável. Nem mesmo Robinho, Adriano e Alexandre Pato salvaram a seleção. Pela primeira vez o Brasil foi derrotado pela equipe venezuelana. 2 a zero e um banho de bola. Gols de Maldonado e Vargas. Esse último o grande destaque da partida.

Pelo Brasil se salvaram apenas Anderson, com muita pegada e bastante participativo, e Diego, que entrou na segunda etapa e modificou a cara do Brasil com muita movimentação. Ainda acertou uma bicicleta na trave. Adriano repetiu as velhas atuações da época da Copa de 2006. Ficou parado no meio dos zagueiros. Será que o tanque está pronto para jogar com a amarelinha?

sexta-feira, 6 de junho de 2008

O que vocês acharam?

A Reebok lançou uma série de camisetas do Internacional no estilo retrô. Particularmente gostei apenas da camiseta parecida com a do River Plate. E vocês gostaram dos novas camisetas do Inter?

quinta-feira, 5 de junho de 2008

Jogador decisivo no mundial deixa o Inter

O melhor jogador da final do mundial contra o Barcelona deixa o Inter. Iarley vai vestir a camisa verde. A ida de Iarley para o Goiás abrirá espaço para jogadores mais jovens, como Valter e Taison. O veterano colorado teria seu contrato encerrado no final de 2008. Com a troca, além do aumento de salário, Iarley fechou contrato até o final de 2009.

Adriano Gabiru, autor do gol do mundial, deve ter o mesmo destino.

Noite dos técnicos gaúchos

Inter e Grêmio ficaram de foram das decisões. Mesmo assim, treinadores gaúchos se destacaram nas decisões desta quarta-feira. Brilharam as estrelas de Mano Menezes e Renato Portaluppi.

COPA DO BRASIL

Pela Copa do Brasil, o Corinthians de Mano Menezes atropelou o Sport. Derrotou a equipe de Recife por 3 a 1. Para o timão marcaram Dentinho, Herrera e Acosta. Para o Leão descontou Enílton. No último minuto. Gol que da esperança para a partida de volta na Ilha do Retiro.

A vantagem do Corinthians é clara. Porém, todos os times que enfrentaram o Sport na Ilha sofreram dois ou mais gols de diferença. Mano Menezes chegou para levar o timão para a série A do Brasileiro, mas pode conquistar o principal título de sua curta carreira.

LIBERTADORES

O Boca Juniors foi superior durante toda a partida. Teve a posse de bola durante os noventa minutos. Criou oportunidades, mas parou diante de algumas estrelas que brilharam na hora certa vestindo a camisa tricolor. 3 a 1 para o Pó de Arroz. Gols de Washington, Conca e Dodo. Para o Boca descontou Martin Palermo.

Washington

Um jogador iluminado. Depois de marcar o gol que levou o Fluminense à semifinal, contra o São Paulo, foi decisivo na partida contra o Boca. Minutos após o gol dos argentinos, chamou a reponsabilidade para si. Cobrou uma falta perfeita. Um golaço na hora certa que desestabilizou Riquelme e cia.

Fernando Henrique

Um dos jogadores mais criticados do grupo do Fluminense. Quis o destino que fosse também o mais importante da campanha até aqui na Libertadores. Foi simplesmente fantástico durante toda a competição. Na semifinal foi o melhor em campo. Nos dois jogos. É incrível a elasticidade do atleta. Está fechando o gol.

Thiago Silva

O melhor zagueiro em atividade no país. Completo por cima e por baixo. Terá lugar certo nas próximas convocações de Dunga. Durante o jogo no Marcanã salvou o gol de empate do Boca quando o Flu vencia por 2 a 1. A bola já havia passado por Fernando Henrique, quando surgiu o pé salvador de Thiago Silva.

Dodo

Mudou o jogo no Maraca. Entrou na segunda etapa quando a equipe perdia por 1 a zero. Sofreu a falta do primeiro gol, convertido por Washington. Puxou o contra-ataque para o gol marcado por Conca. Fechou sua participação com chave de ouro marcando o terceiro e último gol do jogo.

Renato Portaluppi

Um predestinado. Provando ser um grande treinador. Na primeira vez que atuou como jogador na competição foi campeão. Será que a história se repetirá como técnico? Defendo que sim. Devido a superioridade demonstrada pelo Flu durante toda a Libertadores. Mudou a equipe no segundo tempo. E foi decisivo no confronto contra o Boca.

Agora o Flu vai enfrentar os equatorianos da LDU. Um time difícil que possui jogadas perigosas pelas laterias do campo. Principalmente, pela direita através Guerron. Mas a equipe carioca não tem muito com o que se preocupar. Fez a melhor campanha da Libertadores e é favorita para a final.

terça-feira, 3 de junho de 2008

Cafu próximo do Santos

Após acertar com o técnico Cuca, o Peixe parte para reforçar o grupo de jogadores. Está pensando grande. Está próximo de concretizar a vinda de Cafu. Muito contestato o lateral-direito tem um currículo invejável. Aos 38 anos, o capitão do pentacampeonato mundial pela seleçao brasileira, em 2002, já está no Brasil e deve chegar ao Santos.

Uma excelente contratação. Apesar da idade avançada sobra saúde e vitalidade ao atleta que vai ajudar muito o Santos. Com contratações desse porte a equipe da Vila passa a candidatar-se a uma vaga a libertadores e quem sabe até mesmo beliscar o título.

segunda-feira, 2 de junho de 2008

Tcheco somente em agosto

As últimas informações dão conta de que o novo contratado Tcheco só poderá atuar em agosto. Quando abre a janela européia para negociações. Porém, a direção gremista continuará tentando a liberação do atleta junto a FIFA. A CBF não aconselhou a utilização do jogador.

Tcheco daria para o Grêmio muita qualidade. Desafogaria as obrigações de Roger. Hoje quem enfrenta o tricolor precisa marcar um jogador do meio campo. A partir de agosto precisará marcar dois. Tcheco tem qualidade de passe e ajudará a meia cancha gemista a armar as jogadas. Não acredito que Celso Roth escale o jogador como segundo volante. A equipe perderia muito em combatividade. Ele vem, portanto, para fazer a terceira função. Com dois volantes de pegada atrás dos dois armadores gremistas.

Iarley pode deixar o Internacional

Com a saída de Abel Braga para o futebol Árabe alguns jogadores podem deixar o grupo colorado. Abelão divulgou em entrevista a Sportv que deve levar jogadores brasileiros para o Al-Jazira. No topo da lista está o veterano Iarley. Acho que seria uma boa para os três. O treinador teria um jogador de confiança no grupo. O Internacional abriria espaço para jovens talentos como Valter por exemplo. E Iarley pode fazer sua independência financeira já que está com idade avançada e não tem mais o mesmo rendimento de antes.

Mourinho comandará Campeão Italiano

Um dos técnicos mais cobiçados da Europa vai treinar a Inter de Milão. José Mourinho substituirá Roberto Mancini. O português fechou contrato por três temporadas.

Mourinho deixou o Chelsea no meio da atual temporada e estava sem clube. Ele conquistou a Copa dos Campeões da Europa de 2003-2004, com o Porto, e o bicampeonato inglês, pelo Chelsea, em 2004-2005 e 2005-2006.

Foi uma excelente troca para a equipe de italiana. Mourinho é um daqueles técnicos que podem ser considerados craques, que realmente fazem a diferença. Com isso a Inter de Milão que nos últimos anos tem conquistado apenas o campeonato italiano passa a ver como real o sonho de vencer uma Champions League.

domingo, 1 de junho de 2008

Indicação de Abel

Abel Braga deixou o Internacional para treinar o Al-Jazira, dos Emirados Árabes. Mesmo assim, não deixou de dar seus pitacos na direção do clube. Afirmou em entrevista a Sportv que indicou o nome de Dorival Júnior para substituí-lo. Um bom nome. Já fez bons trabalhos e atuamente faz boa campanha no comando do Coritiba. Será que a direção colorada conitnuará agindo pela cabeça do ex-treinador?

Enquanto a Luigi e Pífero não decidem o novo treinador, Guto Ferreira comandará a equipe.

Sidnei está vendido


O jovem zagueiro do Internacional está vendido ao Grupo português GESTIFUTE. A revelação colorada deve sair em agosto. Quando abre o mercado europeu. O destino do jogador ainda não está definido. Uma das possibilidades é o Milan, que quer renovar a sua zaga.

Inter busca novo treinador


Abel Braga não é mais técnico do Internacional. Ontem, após o jogo o treinador revelou que fez uma contraproposta a um clube do Catar. Hoje, a proposta foi aceita. Ele deve viajar na terça-feira para os Emirados Árabes. A direção colorada está incomunicável e já procura um novo treinador. As alternativas para o cargo são Cuca, Muricy Ramalho e Ney Franco.

O primeiro deve acertar com o Santos amanhã. Muricy Ramalho tem as portas abertas no Beira-Rio, porém deve continuar treinando o São Paulo. Portanto, o nome mais forte é de Ney Franco. Ex-técnico de Flamengo e Atlético Paranaense é o favorito para ocupar o cargo no clube gaúcho.
A melhor opção seria Paulo Autori, mas esse tem que se desvencilhar do futebol Árabe. Treinador que já foi Campeão da Libertadores por duas oportunidades e Campeão do Mundo.

Boca vai sair campeon!!!

Para maioria dos internautas o representante argentino entre os quatro finalistas será o Campeão da Libertadores. Mas a diferença foi apertada. Levou nove votos para o título, contra oito do Fluminense. LDU e América do México ficaram apenas com um voto cada um. Concordo com a maioria dos internautas que o Boca é favorito, porém estou com um cutuco que vai dar Fluminense. Principalmente pelo treinador Renato Portaluppi. Um predestinado. Na primeira Libertadores como jogador foi campeão. Será que a história se repetirá como treinador?

Lembrou o Brasil da Copa

Apesar da vitória, por 3 a 2 sobre o Canadá, a Seleção Brasileira teve uma atuação ridícula. Apresentou um futebol monótono. A marioria dos jogadores pareciam não estar gostando de estar ali vestindo a amarelinha. Do time que saiu jogando muitos jogadores não terão condições de atuar na proxima Copa. Marcaram para o Brasil Diego, Luis Fabiano e Robinho. O resultado foi muito melhor que a atuação. O Canadá teve inúmeras chances de gol.

Os titulares do Dunga que sairam jogando ontem jogariam na minha seleção são poucos. Apenas Júlio César, Lúcio, Juan e Robinho. De resto poucos são aproveitáveis.

Júlio César - Falhou ontem no primeiro gol, mas é o melhor goleiro brasileiro no momento. Tem uma boa saída de gol e é perfeito tecnicamente. Fez um grande temporada na Inter de Milão e já considerado um dos melhores do mundo na posição.

Maicon -É uma fortaleza física, mas quando se exige mais que isso deixa a desejar. Para quem já teve Jorginho e Cafu recentemente, essa é uma posição carente na seleção. Ainda confiaria em Daniel Alves e Rafinho. São jogadores mais técnicos que condizem mais com a amarelinha.

Lúcio - Indiscutível. Um zagueiro bem por cima e por baixo. E sua melhor qualidade a velocidade. Tem no mínimo mais uma Copa pela frente. E joga numa posição que terá reposição após a próxima Copa. Thiago Silva do Fluminense.

Juan - Talvez o zagueiro menos zagueiro que eu conheço. Joga muito. Tanto defensivamente quanto saindo com a bola. Um jogador técnico. Talvez o melhor da posição no mundo.

Gilberto - O treinador brasileiro vive dizendo que pensa na Copa do Mundo de 2010. Então a troca do lateral-esquerdo tem que ser imediata. Poxa, Gilberto é jogador para clube. Não tem mais o mesmo rendimento de antigamente. Quem fez uma grande temporada na posição foi Fábio Aurélio do Liverpool. E Marcelo também tem condições de vestir a amarelinha.

Josué - A minha maior crítica com a seleção de Dunga são os volantes. Veteranos inexperientes e baixinhos. Josué não fardaria em muito clube imagina na maior seleção do mundo. Hernanes do São Paulo vem pedindo passagem. Foi o melhor atleta do Brasileirão. Parece que tem que brilhar fora do país para ganhar uma oportunidade.

Mineiro -Mais um anãozinho de Dunga. Não tem condições de vestir a amarelinha. Para sua posição existem Lucas e Anderson que se destacaram no futebol inglês. Os dois garotos tem muito mais futebol além de da a seleção altura e força para uma posição que exige isso. Baixinho para jogar ali tem que ser craque. Não é o caso de Josué e Mineiro. Dois atletas que se destacaram tarde, e já podiam aposentar a camisa canarinho.

Júlio Baptista - É tudo menos um jogador de seleção. Mas aproveitou a oportunidade, se destacou na Copa América. Teve grande atuação na final contra a Argentina. Pouca técnica e muito vigor físico é o Maicon do meio campo. É uma posição onde pode entrar o volante Anderson do Manchester. Terceiro homem que tem chegada na frente e também ajuda na marcação.

Diego - Um bom reserva. Pode mudar o jogado quando entrar na segunda etapa. Jogador de seleção sem dúvida. Está guardando a posição de Kaká.

Robinho - É o melhor jogador da seleção na era Dunga. Joga bem todos os jogos. Aplicado com muita qualidade. Parece que nasceu para vestir a canarinho. Vai ser titular e é usado como exemplo pelo treinador da seleção.

Luis Fabiano - Excelente centroavante. De primeira linha do futebol mundial. O grande azar dele é a existência de um fenômeno como Alexandre Pato. Logo, logo será o titular. Além de marcar os gols que o atacante do Sevilla marca é diferenciado em todas as funções. Bate com as duas pernas, cabeceia, tem velocidade e técnica. Jogador completo. Só precisa ganhar experiência. O Dunga acerta ao colocá-lo aos poucos.

sábado, 31 de maio de 2008

Bem no primeiro tempo, muito mal no segundo

O Grêmio entrou em São Januário com autoridade. Mandava no jogo. Parecia que os gaúchos atuavam em seus domínios. Saiu na frente. Fez um a zero com Reinaldo. O que era para dar tranquilidade a equipe serviu como gol contra. Na segunda etapa, o Vasco cresceu com a entrada de Jean. Ele marcou dois gols e acabou com o sonho gremista de terminar o sábado como líder do Campeonato.

Faltou bola na rede


O Internacional teve um péssimo resultado no Beira-Rio. Empate em 1 a 1. Contra um Sport com a cabeça na final da Copa do Brasil. Não faltaram oportunidades para marcar. Faltou foi competência nas finalizações. O Inter parou no excelente goleiro Magrão. No total foram 16 chances para marcar. No segundo tempo, o Inter foi prejudicado pelas modificações do técnico Abel Braga que pode estar de saída. Alex marcou para os gaúchos e Leandro Amaral para equipe de Recife. Renan defendeu um pênalti.

Abelão, o trapalhão

É impressionante. Abel Braga não consegue escalar um equipe de maneira equilibrada. Colocou um atacante na ala pela direita. Pior que isso foram as substituições. Empatando dentro Beira-Rio ele fez substituições defensivas. Trazendo o Sport que nada criava para cima. Os gritos de burro surgiram com uma das mariores barbaridades já feitas nos últimos tempos. Tirou Nilmar que vinha muito bem na partida, para colocar um dos "bruxos" Iarley que óbvio nada fez. Dizem que ele está de saída. E que Cuca será o novo treinador colorado.

Alex-dependência

O Inter depende muito do futebol de Alex. Jogou muito. Criou inúmeras oportunidades. Marcou o gol e colocou uma bola na trave. Junto com Nilmar e Renan foram os destaques colorados na partida.

Os três patetas

Esse foi o melhor título que encontrei para traduzir a atuação do trio de arbitragem. Eles erraram demais. Tanto na parte técnica quanto na disciplinar. No gol do centroavante Leandro, ele se encontrava em posição ilegal. Nilmar teve um gol anulado. Na minha opinião de maneira acertada. Já que Marcão que parcipou do lance estava impedido. Não é a mesma opinião do comentarista de arbitragem da Gaúcha, Chico Garcia, que defende que Marcão não participou da jogada. Uma penalidade foi marcada a favor dos pernambucanos, mas ela não aconteceu. O goleiro colorado nem toca em Enilton.

quarta-feira, 28 de maio de 2008

Washington: “Preferia pegar o Boca na Bombonera”

Essa foi forte. É óbvio que é muito melhor enfrentar o Boca Juniors longe da Bombonera. Uma equipe experiente e copeira que passa por cima de todos os adversários dentro e fora de casa. Há anos os brasileiros não se dão bem contra o clube argentino. E mais uma vez não deve ser diferente.

O favorito para partida é o Boca, mas o Fluminense fez a melhor campanha da competição até aqui. A partida acontece hoje à noite no estádio do Racing, Juan Domingo Perón, em Buenos Aires. Se o Fluminense quiser conquistar a vaga para final é bom trazer no mínimo um empate, da Argentina.

domingo, 25 de maio de 2008

Não faltou emoção

Foi a melhor corrida da temporada. O GP de Mônaco foi completo para todos que gostam de automobilismo. Não faltaram acidentes e trocas de posição. No fim a vitória caiu no colo de Lewis Hamilton. Seguido por Kubica e Massa. O ex-líder do campeonato Kimi Raikkonen ficou em nono. Ele foi punido devido a um erro da equipe Ferrari.

Felipe Massa largou na frente, mas teve azar durante a prova. Após abrir uma larga vantagem, o Safty Car entrou na pista e foi decisivo. O acidente para variar foi com David Couthard. Quando começava a distanciar-se na ponta, o brasileiro perdeu o controle do carro e a posição pro polonês Kubica, um dos poucos que conseguiu manter-se sem se acidentar na pista.

Depois começaram a trapalhadas da equipe Ferrari. Felipe Massa conseguiu recuperar a posição no primeiro Pit Stop. A equipe italiana encheu o tanque do brasileiro confiando que a chuva iria continuar. Mas não foi o que aconteceu. Com isso, ele teve que parar novamente para colocar pneus de pista seca. Só que demoraram para chamar o piloto para a troca. Melhor para Hamilton e Kubica que chegaram na frente.

Barrichello conseguiu sua primeira pontuação na tempoarada. Ele não pontuava desde o GP Brasil de 2006. Piquet foi prejudicado pela Renault que colocou pneus para pista seca quando ela ainda estava muito escorregadia. O brasileiro acabou ficando de fora mais uma vez.

Por mais que o terceiro lugar tenha sido decepcionante o resultado foi muito bom para Felipe Massa. Agora ele está apenas um ponto atrás do companheiro de equipe Kimi Raikkonen. Quem assumiu a liderança do campeonato foi o inglês Lewis Hamilton quatro pontos a frente do brasileiro. Em quarto vem a surpresa e pra mim melhor piloto da temporada o polonês Kubica.

Grêmio derrota Naútico e continua na ponta de cima

O Grêmio não teve grandes dificuldades para passar pelo Naútico. 2 a zero. Gols do excelente zagueiro Léo e com o colombiano Perea, que voltou a marcar.

Após três rodadas o Grêmio vem consolidando a postura tática. Não sofreu nenhum gol e junto com o líder Cruzeiro possui a melhor defesa da competição. Precisa de mais potencial ofensivo. Até agora foram somente três gols marcados. Dois deles por zagueiros. Um dos pés de Léo e outro da cabeça de Pereira.

Contra o Naútico o Grêmio perdeu algumas oportunidades. Principalmente, com Soares. Perdeu um gol feito, cara-a-cara com Eduardo. Um grande destaque é o goleiro Victor. Três jogos sem sofrer gols. E tem sido exigido. Após falha do zagueiro Pereira, o atacante Felipe deslocou o goleiro Victor. Ele fez uma defesa fantástica, com o pé esquerdo. Está firmando-se cada vez mais na posição. Era uma vaga em aberto na grupo mas que já está bem preenchida.

Síndrome da segunda etapa

Tudo corria bem. O Inter dominava o jogo. Vencia por 1 a zero. Nilmar voltou a marcar após muito tempo. Inúmeras oportunidades estavam sendo criadas. Até a segunda etapa. Bastaram 10 minutos para o Flamengo derrotar o Internacional. 2 a 1. Gols de Marcinho e Souza.

Não é a primeira vez que o Inter faz um bom primeiro tempo, e desanda na segunda etapa. Coicidência ou orientações erradas? Fico com a última alternativa. O motivo são as declarações do próprio Abel Braga. Segundo ele, nos jogos contra Sport e Flamengo, o Inter foi mal na primeira etapa. E ele conseguiu postar melhor a equipe no intervalo. Nos dois jogos o colorado tomou um baile na etapa complementar. Se isso é ajeitar o time. Abelão é responsável direto pelas duas derrotas.

Vale destacar as atuações de Nilmar e Sidnei. De resto poucos jogadores se destacaram. Pelo Flamengo o melhor foi Diego Tardelli. Atropelou Marcão, que mais uma fez teve uma partida lamentável. Sendo totalmente batido.

Nas duas próximas rodadas o Internacional tem obrigação de fazer seis pontos. Pega Sport e Portuguesa. A equipe de Recife estará concentrada nas finais da Copa do Brasil e não deve vir com a equipe titular no Beira-Rio e a Portuguesa tem uma equipe muito fraca.

quarta-feira, 21 de maio de 2008

Uma equipe que não sente pressão

Se existe um clube talhado para jogar a Libertadores, esse é o Boca. Depois de empatar em casa por 2 a 2 com o Atlas, do México, muitos estavam desesperançosos. Mas os Bostoneros nem pareciam jogar fora. Venceram por 3 a zero. Para não deixar dúvidas. Três gols do contestado centroavante Martin Palermo. Quero ver quem consegue parar o Boca? Rumo ao sétimo título da Libertadores.

A Europa é Vermelha


Foi um jogaço. Com todos os ingredientes que uma grande final pode ter. O Campeonato mais cobiçado da Europa ficou com o Manchester United. Durante os 90 minutos ficou tudo igual. Um gol para cada lado. Na prorrogação os dois clubes ficaram no zero a zero. O título foi decidido em uma dramática série de cobranças de pênalti. 6 a 5 para os Diabos Vermelhos.

No jogo não faltou emoção. Nos primeiros 45 minutos o Manchester dominou amplamente as ações. O Chelsea mal conseguia passar do meio campo. Foi totalmente envolvido. Cristiano Ronaldo comandou os Diabos Vermelhos rumo ao ataque. Essien não conseguia achar o rápido craque português em campo. Aos 26min, Brown cruzou de esquerda e Ronaldo subiu no terceiro andar para fazer. Manchester 1, Chelsea 0. O ataque Vermelho continuou impossível. Criou inúmeras oportunidades. Todas pararam nas mãos do excelente Petr Cech. Aos 45, o que parecia impensável. Essien deixou de lado a marcação sobre o Português. Avançou e arriscou do meio da rua. A bola bateu em dois marcadores. O suficiente para sobrar livre para Lampard que não perdoou. 1 a 1.

Na segunda etapa o Manchester sentiu o gol marcado no último minuto. Não conseguiu se encontrar em campo. E foi a vez dos Azuis assumirem as ações. Com o controle do jogo foram inevitáveis as oportunidades. A melhor foi com Drogba. Bateu de fora da área, mas parou na trave esquerda do holandês Van der Sar. A partida foi para a prorrogação.

Os trinta minutos foram tensos. Oportunidades para os dois lados. Lampard voltou a acertar a trave do Manchester. E Terry salvou após conclusão de Ryan Giggs. Drogba recebeu o vermelho após agredir o zagueiro Vidic. Mas não havia tempo para mais nada. O melhor da Europa seria conhecido nos pênaltis.

As duas primeiras penalidades de cada equipe foram convertidas. Quando chegou a vez do craque Cristiano Ronaldo. O goleador da competição com oito gols perdeu. Os dois clubes continuaram a marcar. Quando chegou a vez do zagueiro Terry. O gigante inglês acabou escorregando bem na hora do chute e mandando a bola para fora. Os Diabos Vermelhos voltavam a ter esperanças. Nas cobranças alternadas Giggs e Anderson marcaram para o Manchester, Kalou fez para o Chelsea. A responsabilidade ficou com Anelka. E Van der Sar fez a defesa do título.

Os Red Devils conquistaram pela terceira vez o torneio europeu. Foi o décimo terceiro campeão invicto da competição. A última conquista sem derrotas havia sido em 99 com o mesmo Manchester. Cristiano Ronaldo foi o artilheiro com oito gols. Ele marcou 42 na temporada. A terceira marca da história do clube. O título ficou em boas mãos.


Peninha

Para o técnico corinthiano todos, inclusive o Gaciba, têm pena do Botafogo. Devido ao longo período sem títulos. Ora, Mano. Essa foi somente uma das declarações infelizes. Ele prefiriu culpar a arbitragem e livrar-se da responsabilidade da derrota no Engenhão.

No primeiro tempo, muito bem, saiu vencendo por um a zero, gol de Carlos Alberto, e dominou as ações. Na segunda etapa o corinthians voltou mais fechado. Mano prefiriu esperar o adversário. Dando campo para a Estrela Solitária. Isso foi fatal. A equipe habilidosa do Botafogo veio para cima e aproveitou as oportunidades. Vitória merecida. Dois a um. Apesar de pênalti inexistente, na minha opinião. Mas, erros acontecem. Os gols do Fogão foram marcados por Lúcio Flávio e Jorge Henrique.

Outra declaração lamentável do ex-técnico gremista foi quando se referiu ao treinador do Palmeiras Vanderlei Luxemburgo. Mano falou sobre ética. Reclamou que o palmeirense deu dicas sobre como marcar o Corinthians no programa Arena Sportv. Como é bom jogar a culpa nos outros. Parece que existem técnicos que não estão preparados para perder. Mesmo que nunca tenham vencido nada relevante.

Para o jogo de volta Mano Menezes não vai contar com André Santos, Carlos Alberto, Fabinho e Lulinha que receberam o terceiro cartão amarelo. Do Botafogo receberam o terceiro cartão o volante Túlio e o lateral Alessandro. Quem perde mais é o Corinthians. São quatro desfalques importantíssimos. No grupo não existem substitutos. Se o Timão conseguir essa classificação será graças a Fiel.

segunda-feira, 19 de maio de 2008

Chuteira de ouro


No final de semana o Manchester não jogou, mas Cristiano Ronaldo conquistou mais uma premiação. A de artilheiro da Europa. Com 31 gols, ele levou a Chuteira de Ouro.

Cristiano Ronaldo somou 62 pontos. É o terceiro português a conquistar o prêmio. Eusébio ficou com a Chuteira de Ouro em 1968 e 1973, e Fernando Gomes em 1983 e 1985.

Se todos os campeonatos valessem a mesma pontuação, o vencedor seria o jogador do País de Galês Rhys Griffiths, do Lanelli. O atleta balançou as redes 40 vezes na temporada, mas seus gols valem apenas um ponto. Os países em que os gols valem dois pontos são Inglaterra, Espanha, Alemanha, Itália e França.

Veja a lista dos goleadores:

1. Cristiano Ronaldo (Manchester United): 31 gols (62 pontos)
2. Daniel Guiza (Maiorca): 27 (54)
3. Klaas-Jan Huntelaar (Ajax): 33 (49,5)
4. Fernando Torres (Liverpool), Emmanuel Adebayor (Arsenal), Luca Toni (Bayern Munique) e Luis Fabiano (Sevilla): 24 (48)
8. Alessandro Del Piero (Juventus): 21 (42)
9. Rhys Griffiths (Llanelli, 40 gols), David Trezeguet (Juventus) e Karim Benzema (Lyon): 20 (40)

Irresponsável

Será que cada vez que vemos os gaúchos enfrentar o chilena Valdívia teremos expulsão? Não sei porque os jogadores do sul sempre perdem a cabeça marcando o atleta. Certo está ele. Que joga seu futebol, cava expulsões e ajuda seu time a vencer. Edinho foi um irresponsável. Recebeu vermelho ainda na primeira etapa. Irritado com o chileno, já tinha amarelo e deu uma entrada feia no meia. Pior pro Inter que teve que se virar com um a menos. Outro que poderia ter sido expulso ainda na primeira etapa é Guiñazu. Ele cometeu seis faltas e recebeu o amarelo. O vermelho ficou para o final do segundo tempo.

Denilson foi o melhor em campo. Lembrou o jogador do São Paulo. Que encantava o futebol brasileiro. Marcou o primeiro após falha do zagueiro Índio. No final do primeiro tempo Índio ainda empatou de cabeça. Orozco que havia entrado no lugar de Sorondo, que saiu lesionado, cometeu um penalti em Valdívia. Alex Mineiro fez 2 a 1.

Dessa vez não tem como culpar Abel, Fenandão, Alex e Nilmar. A culpa é toda da irresponsabilidade do volante Edinho. Um a menos contra uma equipe tão qualificada só pode dar nisso. Derrota.

Demais resultados da rodada:

Cruzeiro 1 x 0 Botafogo
Vasco 3 x 1 Portuguesa
Sport 0 x 0 Vitória
Atlético-PR 1 x 1 São Paulo
Goiás 1 x 1 Atlético-MG
Santos 4 x 0 Ipatinga
Figueirense 2 x 1 Coritiba

Bruno salva o Mengão

O goleiro do Fla foi o responsável pelo empate do clube carioca no estádio Olímpico. O Grêmio massacrou. Teve inúmeras oportunidades. Foram duas bolas na trave. Uma do zagueiro Pereira e outra de Léo. Antes do jogo o empate até poderia ser considerado um bom resultado. Já que o Flamengo é um dos bons times do campeonato. Porém, depois da partida o atacantes gremistas devem estar lamentando a perda de tantos gols. Agora o Grêmio enfrenta o líder Naútico em casa. Deve vencer e continuar na zona de cima da tabela. Ontem foram mais de 40 mil torcedores. O maior público do Campeonato.

Durante os 90 minutos ocorreram dois pênaltis para o Grêmio. Mas o juiz nada marcou.

sexta-feira, 16 de maio de 2008

Desacreditado

Mesmo com a vitória na primeira rodada, sobre o forte São Paulo, o torcedor gremista não confia em uma boa colocação da equipe no Brasileirão. A maioria dos leitores do Blog optaram que o tricolor chega no máximo na Copa Sulamericana. Um resultado assustador foi o da segunda alternativa mais votada. O Grêmio briga para não cair.

Veja como ficou a enquete:

Como você acha que irá o Grêmio no Campeonato Brasileiro?

Disputará o título - 1 voto
Briga por vaga na Libertadores - 6 votos
No máximo chega a Copa Sulamericana - 19 votos
Briga para não ser rebaixado - 10 votos

Eu concordo com os leitores e aponto o Grêmio como candidato a Sulamericana. O time ainda está carente de jogadores de qualidade. André Krieger afirmou nessa semana que vai contratar apenas mais um jogador. Além de Marcel. Um absurdo já que o tricolor precisa de jogadores de peso para voltar a brigar por títulos. Além disso, pode perder Eduardo Costa e Léo durante a competição.

quinta-feira, 15 de maio de 2008

Imperador com a amarelinha

O atacante Adriano volta a ser convocado para a Selação Brasileira. Ele veio para o São Paulo para se recuperar das inúmeras confusões e problemas físicos que estava tendo na Itália. Porém, mostrou o seu grande potencial e voltou a ser o Imperador que todos conhecem. Foram 16 gols marcados no primeiro semestre. O jogador, junto com Kleber, foi chamado apenas para os confrontos das eliminatórias contra a Argentina e Paraguai, nos dias 15 e 18 de junho. Nos amistosos contra o Canadá e Venezuela Marcelo, do Real, e Rafael Sóbis, do Betis vão substituí-los.

Veja o restante da lista:

Goleiros
Júlio César (Inter de Milão)
Diego Alves (Almeria)
Doni (Roma)

Laterais
Maicon (Inter de Milão)
Marcelo (Real Madrid)
Daniel Alves (Sevilla)
Gilberto (Hertha Berlin)
Kléber (Santos)

Zagueiros
Alex (Chelsea)
Juan (Roma)
Lúcio (Bayern de Munique)
Luisão (Benfica)

Meio-campistas
Júlio Baptista (Real Madrid)
Josué (Wolfsburg)
Mineiro (Hertha Berlin)
Elano (Manchester City)
Gilberto Silva (Arsenal)
Diego (Werder Bremen)
Kaká (Milan)
Anderson (Manchester United)

Atacantes
Adriano (São Paulo)
Alexandre Pato (Milan)
Rafael Sobis (Betis)
Robinho (Real Madrid)
Luís Fabiano (Sevilla)

A convocação foi toda perfeita. Com exceção dos jogadores de meio-campo. É um absurdo Dunga continuar convocando Josué e Mineiro. São ex-jogadores para o nível que se exige na seleção. São bons para clubes, mas não para vestir a amarelinha. Hernanes do São Paulo e Lucas do Liverpool seriam minhas alternativas para as posições.

O que vocês acharam da seleção?